O SEU LUGAR

Cooperação Urbana

O Município de Famalicão, atento às dinâmicas internacionais e às vantagens competitivas da partilha de conhecimento, do intercâmbio de experiências e da identificação das melhores práticas, coordena uma estratégia de diplomacia urbana, que visa estimular a internacionalização da cidade.

Urbact – Making Spend Matter

 


O Projeto Making Spend Matter é um Projeto cofinanciado pelo URBACT, que inclui sete Cidades europeias como parceiras, e cuja execução teve início em março de 2018. A área principal de cooperação da rede de parceria assenta no trabalho conjunto para a adaptação e reutilização de boas práticas no sentido de promover as políticas urbanas. A “BOA PRÁTICA” da rede Making Spend Matter selecionada pelos parceiros reside nas compras públicas e nos mecanismos de contratação pública. Têm sido desenvolvidas várias ações sobre as metodologias de contratação, a introdução de critérios ambientais nas compras e na seleção dos fornecedores, o aprofundamento da transparência, entre outros.

Principais resultados a destacar
Uma vez que as compras públicas desempenham um papel importante na gestão municipal, a BOA PRÁTICA transferida ajudará a perceber ONDE o Município compra, COMO compra, a QUEM compra e quais os critérios ambientais e sociais a aplicarem nos concursos públicos. Desta forma pretende-se perceber como se pode contribuir para a melhoria da economia local e como envolver os cidadãos neste objetivo comum.


Cidades parceiras:
Preston,Lancashire (Reino Unido)
Pamplona,Navarra (Espanha)
Bristrita,Transilvânia (Roménia)
Koszalin, Pomerânia (Polónia)
Kavala, Macedônia Oriental e Trácia (Grécia)
Schaerbeek,Bruxelas (Bélgica)

Mais informações em: urbact.eu/makingspendmatter

Urbact – Resourceful Cities



Cidade de Recursos - Espaço de co-criação e ação circular é um Projeto cofinanciado pelo URBACT, que inclui dez Cidades europeias como parceiras, e cuja execução teve início em setembro de 2019. Este projeto procura desenvolver a próxima geração de centros de recursos urbanos, que possam servir de catalisadores da economia circular, através da adoção de uma abordagem participativa e integrada, de onde resultem impactos económicos, ambientais e sociais positivos.
A rede deve facilitar a prevenção, reutilização, reparação e reciclagem de resíduos. Os centros também devem constituir espaços de ligação para os cidadãos, novas empresas, investigadores e o sector público, e deverão servir para co-criar novas formas para fechar o ciclo dos recursos, ao nível local.

Principais resultados a destacar:
Redução do uso de recursos naturais, diminuição da produção de resíduos, valorização dos resíduos como recursos.


Cidades parceiras:
Haia (Holanda)
Mechelen (Bélgica)
Pátras (Grécia)
Cáceres (Espanha)
Ciudad Rea (Espanha)
Zagreb (Croácia)
Opole (Polónia)
Bucareste (Roménia)
Oslo (Noruega)

Para mais informações consultar a seguinte ligação: urbact.eu/vila-nova-de-famalicao

IUC Fort Collins



Iniciado em novembro de 2018, o projeto IUC - City-to-City Cooperation Program – Fort Collins and Vila Nova de Famalicão possui como principal objetivo a promoção da cooperação entre as cidades de Fort Collins, no Colorado, EUA, e Vila Nova de Famalicão, em Portugal, materializada em partilha de conhecimento, de boas práticas e de soluções urbanas sustentáveis.
As áreas de cooperação são, essencialmente, três: (i) Mobilidade sustentável (de baixo carbono), focada no uso da bicicleta e de transportes públicos, no uso do solo e na economia verde e empreendedorismo; (ii) Planeamento e implementação de práticas para o envolvimento e participação dos cidadãos, para a alteração de comportamentos e para a mitigação e adaptação às alterações climáticas; e (iii) Produção e consumos locais e economia circular.
Este projeto é cofinanciado pelo Programa IUC – International Urban Cooperation, European Union-North America.

Principais resultados a destacar:
Criação do VNF AtiveMob - Plano de Ação para a Mobilidade Ativa Pedonal e Ciclável, Fort Collins implementa a participação do Sofá Visão’25 há uma Transferência de conhecimento técnico e especializado em diversas áreas; Cooperação para a uma Mobilidade Sustentável, com especial enfoque no transporte público regional.
   

Cidade parceira:
Condado de Larimer, Colorado (USA)


Para mais informações consultar as seguintes ligações: www.iuc.eu  ou  www.fcgov.com

INTERREG – Atlantic Food Export



O projeto Atlantic Food Export (AFE) é um projeto cofinanciado pelo INTERREG – Espaço Atlântico. Apoia pequenas e médias empresas (PME) do setor agroalimentar na elaboração do seu plano de internacionalização para aceder aos mercados internacionais, sobretudo nas regiões do Espaço Atlântico.
Através de um programa de assessoria, formação, encontros e eventos empresariais, mais de 100 empresas beneficiárias investigam novos mercados, testam os seus produtos, adquirem conhecimentos, parcerias e contatos que serão fundamentais para uma internacionalização bem-sucedida.
As empresas, divididas em clusters, por mercados de interesse, integram um programa que inclui a transferência de conhecimentos, a formação e o apoio nas práticas de gestão, ao mesmo tempo que participam em missões empresariais em mercados internacionais.


Principais resultados a destacar:
Destacam-se como principais resultados do Projeto Atlantic Food Export a formação em internacionalização dirigida às PME participantes, o apoio técnico especializado para a elaboração de estratégias para a internacionalização, o apoio à elaboração de um plano estratégico de internacionalização para cada uma das empresas, a assessoria sobre mercados internacionais, representantes comerciais - retalhistas e grossistas e a participação em Encontros e Missões Empresariais.

Cidades parceiras:
Dordogne,Nouvelle-Aquitaine (França)
Noreña,Astúrias (Espanha)
Sevilha, Andaluzia (Espanha)
Cork City (Irlanda)
Belfast (Irlanda do Norte)
North Somerset (Reino Unido)
País de Gales (Reino Unido)

Para mais informações consultar as seguintes ligações: atlanticfoodexport.eu

INTERREG - CoLogistics



O Projeto CoLogistics - Estrutura de Colaboração Logística na Eurorregião é um projeto cofinanciado pelo INTERREG V A Espanha - Portugal (POCTEP). Este projeto promove a colaboração transfronteiriça na área dos transportes e da logística.
O objetivo geral é a internacionalização através da promoção da atividade logística no território da Galiza-Norte de Portugal e do fortalecimento das suas capacidades organizativas e tecnológicas, para fomentar a internacionalização e aumentar a presença estrangeira das empresas nos domínios da logística e dos transportes.

Principais resultados a destacar:
O projeto encontra-se numa fase inicial. Espera-se com a implementação deste projeto contribuir para o reforço da competitividade logística na Eurorregião, através da criação de estruturas conjuntas para a colaboração logística.

Parceiros:
Pontevedra (Espanha)
Xunta de Galicia (Espanha);
Autoridad Portuaria de Vigo - Puertos del Estado (Espanha)
Associação Empresarial de Portugal (AEP) (Portugal)
Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (Portugal)


Para mais informações consultar as seguintes ligações: www.cologistics-project.eu/pt/

POCTEP - Empreende Makers



O objetivo é a criação e desenvolvimento de uma rede empresarial baseada nos centros digitais de fabrico e prototipagem da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal que atuará como um espaço comum de inovação tecnológica e criativa, onde as pessoas interessadas na sua utilização (especialmente os jovens) possam aceder a um espaço e ferramentas que lhes permitam desenvolver uma ideia de projeto de natureza tecnológica e criativa desde a conceção e prototipagem até à experimentação e adaptação às necessidades do mercado e sua posterior aceleração e lançamento. Tudo isto sob a filosofia de "faça você mesmo", "metodologia lean" e "aprender fazendo" que promove a criação de iniciativas empresariais inovadoras na Euro região.

Principais resultados a destacar:
Através da rede empresarial, será obtida uma transferência de inovações, procedimentos e especializações entre os vários centros de fabrico e protótipos digitais da Euro região, o que resultará na emergência de sinergias de trabalho conjunto que beneficiarão a competitividade e o crescimento do tecido empresarial da Euro região.
Por outro lado, a aquisição pelos jovens de uma série de competências será promovida através da utilização das TIC e das "tecnologias de produção" que estimularão a inovação tecnológica e/ou criativa através da formação, da experimentação e do aconselhamento técnico e empresarial que possibilitarão a criação de novas iniciativas empresariais.


Parceiros:
Ourense (Espanha)
Universidade de Vigo (Espanha)
Xunta de Galicia (Espanha)
Câmara Municipal de Paredes de Coura (Portugal)
Universidade do Minho (Portugal)
Câmara Municipal de Melgaço (Portugal)


Para mais informações consultar as seguintes ligações: www.poctep.eu/emprende-makers-de-emakers-emprendedores