O SEU LUGAR
Cultura e Turismo

Acesso Cultura lança debate sobre a municipalização da cultura

12-02-2020
Debates Acesso Cultura em parceria com a Rede de Museus de Vila Nova de Famalicão
Título: Municipalização da cultura?
Local: Galeria Municipal Ala da Frente
18 de fevereiro
18h30
Entrada livre (sujeita à lotação das salas)
Para mais informações: https://acessocultura.org/iniciativas/debates/

Convidados
Marlene Oliveira, Fundação Cupertino de Miranda Moderadora
Alexandre A. R. Costa, Artista Plástico e Curador
Leonel Rocha, Vereador da Educação e Conhecimento e da Cultura
Rui Alves Leitão, Fértil – Associação Cultural

Sinopse
Este será o primeiro debate de 2020 que acontece simultaneamente em 10 cidades diferentes: Angra do Heroismo, Castelo Branco, Évora, Faro, Funchal, Lisboa, Ponta Delgada, Porto, Torres Novas e Vila Nova de Famalicão.
O mote para este debate relaciona-se com o artigo de opinião no jornal Público intitulado “A insustentável leveza do municipalismo cultural”, da autoria do gestor cultural Rui Matoso (outubro de 2019). Nesse artigo, Rui Matoso citava Sophia de Mello Breyner (“Não queremos opressão cultural. Também não queremos dirigismo cultural. A política, sempre que quer dirigir a cultura, engana-se. Pois o dirigismo é uma forma de anticultura e toda a anticultura é reacionária.” – Assembleia Constituinte de 1975-1976). Partindo do artigo, as questões orientadores do debate são: “É a uma câmara que cabe a função de promover, por exemplo, um Festival Transcultural? Ou, pelo contrário, a sua função deve ser a de gerar políticas, ferramentas e condições de produção para que os atores sociais, designadamente minorias, construam um projeto participado e sustentado?”.
150 leituras