Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Cultura e Turismo
"A Expressão dos Afectos" rendeu Prémio de Conto a António Mega Ferreira
    29-04-2003
    O escritor e jornalista António Mega Ferreira recebeu no dia 26 de Abril, das mãos do presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Armindo Costa, na Casa-Museu Camilo Castelo Branco, em Ceide S. Miguel, o Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco 2001, pelo livro “A Expressão dos Afectos”.

    A cerimónia de entrega do galardão – uma das muitas iniciativas de animação cultural promovidas no âmbito da realização da 15ª Feira do Livro de Vila Nova de Famalicão, que está patente até 4 de Maio na Praça D. Maria II, no centro da cidade famalicense – contou ainda com as presenças da sub-directora do Instituto Português do Livro e das Bibliotecas, Isilda Fernandes, do presidente da Associação Portuguesa de Escritores (APE), José Manuel Mendes, do vereador da Cultura da Câmara Municipal de Famalicão, Leonel Rocha, do director da Casa-Museu Camilo Castelo Branco, Aníbal Pinto de Castro, e do representante do júri do Prémio de Conto 2001, José Nobre da Silveira.

    Recorde-se que o Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco – no valor pecuniário de cinco mil euros, suportados pela autarquia famalicense – resulta de um protocolo estabelecido entre a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão e a Associação Portuguesa de Escritores, fruto da projecção nacional que tiveram as comemorações do Centenário da Morte de Camilo Castelo Branco, promovidas em 1990.

    Felicitando o premiado por ter sido eleito, por maioria, por um júri constituído por Fernando Dacosta, José Carlos Seabra Pereira, José Nobre da Silveira, Isabel Pires de Lima e Luís Carmelo, o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão elogiou a personalidade multifacetada do António Mega Ferreira, “sobretudo os seus dotes e talento de escritor”, desta vez materializados no livro «A Expressão dos Afectos», que o autarca considerou “um excelente livro de contos que Camilo Castelo Branco não deixaria de ler e, como nós, elogiar”.

    Por sua vez, António Mega Ferreira não escondeu a sua satisfação pela conquista do prémio e a “honra acrescida” por recebê-lo na casa onde Camilo Castelo Branco escreveu grande parte das suas obras. “A Camilo devo-lhe a tinta que lhe secou no tinteiro. Não há magia do texto literário se não promover o prazer. Camilo tinha fome de amor. Amor e sofrimento, sede de infinito”, referiu o autor galardoado.

    Na cerimónia de entrega do Grande Prémio do Conto Camilo Castelo Branco, Armindo Costa aproveitou a oportunidade de ter presente em Famalicão um grupo significativo de personalidades nacionais da área cultural para dar a conhecer o projecto cultural integrado que o município está a desenvolver e de que faz parte o Centro Cultural de Camilo Castelo Branco, projectado por Siza Vieira, que está em fase de construção adiantada, em terrenos próximos da casa-museu, num investimento municipal de 2,7 milhões de euros.

    “Será a partir desta obra, com uma função eminentemente literária, que a Câmara Municipal de Famalicão pretende lançar novos projectos, tendo como um dos parceiros a Associação Portuguesa de Escritores”, assinalou Armindo Costa. E acrescentou: “Deste modo, poderemos ter êxito nesta dinâmica gerada em volta da herança literária de Camilo Castelo Branco, que emerge a partir desta casa-museu”.

    O presidente da Associação Portuguesa de Escritores, José Manuel Mendes, por seu turno, congratulou-se pela disponibilidade demonstrada pelo presidente da Câmara Municipal para novos projectos que envolvam a APE, pelo que, em breve, serão apresentados projectos concretos.

    Refira-se que o prémio de Conto Camilo Castelo Branco já foi atribuído aos escritores Mário de Carvalho, Teresa Veiga, Maria Isabel Barreno, Maria Velho da Costa, Maria Judite de Carvalho, Miguel Miranda, Luísa Costa Gomes, José Jorge Letria, José Eduardo Agualusa e José Viale Moutinho.

    Entretanto, no próximo dia 1 de Junho, data de aniversário da morte de Camilo Castelo Branco, a Casa-Museu de Ceide irá acolher a cerimónia de entrega do prémio relativo às obras publicadas em 2002, cujo vencedor será conhecido em breve.
    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
949 leituras
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2019 | handmade by brainhouse