Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Juventude
Ymotion volta à carga
    21-01-2019
    O Ymotion 2019 já dá os primeiros passos e nos próximos dias a organização do Festival de Cinema Jovem de Famalicão, promovido pelo pelouro da Juventude da autarquia, vai realizar uma “operação de charme” junto do seu público alvo – os jovens estudantes de audiovisual, multimédia e cinema – com um ciclo de projeções e conversas que arranca na próxima semana.

    O Ymotion vai dar a conhecer e promover os trabalhos premiados na sua quarta edição e a primeira sessão deste ciclo vai decorrer na próxima terça-feira, dia 29, na Escola Secundária Padre Benjamim Salgado, em Joane. Em fevereiro seguem-se a Escola Secundária Camilo Castelo Branco, no dia 8, a Didáxis de Riba de Ave, no dia 13, a Oficina - Escola Profissional do INA, no dia 20, e a Alfacoop, no dia 27.

    No mês de março haverá ainda mais quatro sessões: dia 6, na Escola Artística Soares dos Reis, dia 7, no Instituto Multimédia do Porto, no dia 14, na Escola de Artes da Universidade Católica Portuguesa, e no dia 21, na Escola Superior de Media Artes, em Vila do Conde.

    Para além do visionamento dos trabalhos premiados, as sessões contarão também com um momento de discussão e debate com a presença, entre outros, dos jovens cineastas galardoados na última edição do concurso, membros do júri, atores e críticos e jornalistas de cinema, tais como Rui Pedro Tendinha, Tiago Fernando Alves e Vitor Moura.

    Cativar a atenção dos jovens cineastas para a conceção/realização de futuros trabalhos para submissão no Ymotion e outros festivais de cinema nacionais e internacionais é um dos principais objetivos deste ciclo de projeções e conversas.

    Recorde-se que em 2018 o Ymotion recebeu mais de uma centena de candidaturas. A curta “Em Lugar Algum” de Inês de Sá Frias e Leandro Martins foi a grande vencedora da quarta edição do festival. “The Voyager”, de João Gonzalez, venceu na categoria de “Melhor Curta de Animação”; “Terra Amarela”, de Dinis Costa, bisou ao vencer nas categorias “Melhor Elenco” e “Melhor Direção de Fotografia”. “Fugiu. Deitou-se. Caí”, de Bruno Carnide, arrecadou o prémio de “Melhor Banda Sonora Original” e “A Choice of Free”, de Filipe Silva, o de “Prémio Escolas Secundárias”. O “Prémio do Público” foi para “4760” de Nuno Loureiro. Nesta categoria foi ainda atribuída uma Menção Honrosa à curta “Odisseias dos Pássaros” de Fernando Cavaleiro.

    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
335 leituras
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2019 | handmade by brainhouse