Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Educação
Aprender as regras de segurança rodoviária é uma brincadeira de crianças
    13-11-2017
    Em Vila Nova de Famalicão é de pequenino que se aprende a respeitar as regras de segurança rodoviária. Isso mesmo comprova o Rodrigo Amorim que, com apenas 8 anos de idade, já sabe identificar vários sinais de trânsito e é o próprio que chama a atenção dos pais quando ultrapassam a velocidade. “Quando vão muito depressa eu digo para terem cuidado e andarem mais devagar e também vou sempre atento aos sinais”, afirma muito seguro de si. Também enquanto peão, o Rodrigo mostra que sabe respeitar as regras, “atravesso sempre na passadeira e olho para os dois lados antes de atravessar”, acrescenta. Rodrigo Amorim foi uma das crianças que, nesta segunda-feira, inauguraram a Escola de Segurança Rodoviária de Vila Nova de Famalicão. O projeto que nasceu de uma parceria criada entre a Câmara Municipal e o Museu do Automóvel com o apoio da Continental Mabor está localizado no Lago Discount, em Ribeirão, mesmo ao lado da Escola de Restauro Automóvel.

    Para o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, “a dimensão pedagógica é aquela que mais nos interessa neste projeto e é por ela que lançamos esta iniciativa, apadrinhando o propósito do Museu do Automóvel que trouxe esta proposta com o claro objetivo de ajudar a sociedade a receber um conjunto de competências extremamente úteis para que no dia-a-dia possamos ter menos sinistralidade”.

    É assim que o município assume “a segurança rodoviária como um desafio e uma ambição para o futuro”, fazendo da aprendizagem uma brincadeira de crianças, como refere o autarca. “Queremos que estas experiências se realizem num contexto lúdico de brincadeira, mas também de aprendizagem, para que levem estes novos conhecimentos até às suas famílias”.

    A Escola de Educação Rodoviária destina-se a crianças do 1.º e 2.º ciclo do concelho de Famalicão, mas também de fora, sendo que as visitas devem ser efetuadas por marcação. As aulas têm uma componente teórica incidindo sobre as regras e sinalização rodoviária. A componente prática realiza-se em carrinhos de pedal ou bicicletas e tem como cenário uma mini cidade com uma área aproximada de 1000 m2, onde não faltam, lojas, postos de abastecimento e até uma réplica dos Paços do Concelho. Os peões, automóveis e bicicletas seguindo as regras de segurança rodoviária circulam pelas estradas, passeios, passadeiras, rotundas, cruzamentos e túneis sob orientação de agentes da Polícia Municipal.

    Através das crianças pretende-se chegar à consciencialização dos adultos, mas pretende-se também que este seja um projeto para o futuro, para formar e educar os condutores do futuro. Isso mesmo realçou o diretor do Museu do Automóvel, Amadeu Melo e Silva salientando que “esta é a nossa tentativa de mudarmos mentalidades, começando pelas crianças e tendo como grande objetivo reduzir a sinistralidade”.

    Esse é também o grande propósito da multinacional alemã sedeada em Vila Nova de Famalicão, Continental Mabor que apoia o projeto. De acordo com o diretor geral da empresa, Pedro Carreira “este projeto tem tudo a ver com a Continental. Em primeiro lugar pelas crianças que representam o futuro da sociedade e em segundo lugar pelo projeto de responsabilidade social Visão Zero – Zero Fatalidades, Zero Feridos e Zero Acidentes, um projeto que é muito querido para nós em termos de responsabilidade perante o acidente e a tragédia”.
13/11/2017 Aprender as regras de segurança rodoviária é uma brincadeira de crianças
Imagens: FAMA TV
    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
1427 leituras
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2017 | handmade by brainhouse