Município de Famalicão: Agenda Cultural http://www.vilanovadefamalicao.org Últimos 10 eventos 15 asdad asdasd dasdad <![CDATA[O Anzol ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_o_anzol Casa das Artes | Foyer
Desenho e Pintura  dos alunos d'A Casa ao Lado

A exposição patente capta o ponto de vista de diferentes autores tendo como referência o Anzol, seja como imagem ou conceito. Os diversos resultados são o culminar do projeto final de ano 2016-17 dos alunos do curso de desenho e pintura d'A Casa ao Lado - Centro Artístico. Os alunos tiveram um tema e suporte em comum, sendo o tema o Anzol, e o suporte tela 92 x 120 cm.

Dia 03: 16h (inauguração)
Entrada gratuita
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116803&h=b292c" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[Cratera ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_cratera Galeria Municipal Ala da Frente
Pintura e escultura de Miguel Branco

Dimensão da percepção A obra de Miguel Branco provoca um desafio à nossa presença no espaço da exposição. Estamos perante uma obra muito cuidada, suportada por um elaborado estudo transversal à história da arte. A pintura e escultura são usadas com uma singular atenção e as escalas reduzidas da pintura conferem um carácter intimista que nos atrai para uma fruição mais apurada. Miguel Branco tem uma dedicação particular com o espaço para que o resultado possa ser o mais completo possível e nos leve à contemplação, à visão cuidada de cada uma das obras. Estreitam-se laços de silêncio na nossa observação, a dimensão promove uma concentração delicada, minuciosa, precisa. Somos levados a ampliar a nossa percepção, há um espaço que se amplia e propõe outras dimensões. Esta exposição traz mais um singular trabalho de articulação das obras com a sala de exposição, redimensionando-o, tornando-o uma parte complementar à fruição da obra onde poderemos encontrar um conjunto de pinturas em que a "cratera" é o pretexto para ali se reflectir e aprofundar a nossa concepção do tempo. António Gonçalves
Palacete Barão da Trovisqueira

Dia 03: 18h (inauguração)

Terça a sexta: 10h às 17h30
Sábado e domingo 14h30 às 17h30
Encerrado aos Feriados
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116800&h=232c4" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[O Abade Correia da Serra e os Estados Unidos da América do Norte ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_o_abade_correia_da_serra_e_os_estados_unidos_da_america_do_norte Museu Bernardino Machado - Sala Júlio Machado Vaz | 21h30
As relações entre Portugal e os EUA do Norte (sécs. XVIII- XX)
Oradora: Prof. Doutora Ana Simões

A convidada da segunda sessão do ciclo de conferência dedicado ao estudo das relações Portugal/América do século XVIII-XX é a prof. dourota Ana Simões. Professora catedrática do Departamento de História e Filosofia das Ciências da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, é também uma das coordenadoras do Centro Interuniversitário de História das Ciências e da Tecnologia. A sua investigação inclui a história da química quântica e a história da ciência, com ênfase na ciência em Portugal, dos séculos XVIII a XX. É membro fundador da Sociedade Europeia de História da Ciência.

Entrada gratuita
Entrega de Certificado de Presença.
Creditação da Formação pelo CFAE (Centro de Formação de Associação de Escolas de V. N. de Famalicão)
www.bernardinomachado.org
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116797&h=2f935" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[O Deserto de Medeia (Estreia) ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_o_deserto_de_medeia_estreia Casa das Artes - Grande Auditório | 21h30
Texto de Marta Freitas, Encenação de Luísa Pinto
Coprodução Narrativensaio - AC e Casa das Artes

Nos últimos três anos a encenadora reuniu histórias reais de mulheres que mataram os seus filhos. Confrontando-se com os inúmeros casos relacionados com o complexo de Medeia, Luísa Pinto decidiu levar à cena uma reflexão sobre o Filicídio; crime que está longe de ser uma abominação exclusiva da antiguidade, mas que ocorre na atualidade, inundando noticiários e páginas de jornal. A encenadora desafiou Martas Freitas para escrever um texto a partir das referidas histórias. O Deserto De Medeia interroga a condição de mulheres, que matam os filhos, normalmente movidas de amor e ódio a um só tempo. O Deserto de Medeia joga-se na hibridez entre a antiguidade e a contemporaneidade transpondo barreiras entre o passado e o presente estabelecendo um paralelismo entre a Medeia de Eurípedes e as Medeias de hoje. Apoio ESAP/CESAP Nota: dia 22 conversa pós-espetáculo com Eduarda Neves, docente na Escola Superior Artística do Porto, investigadora e curadora independente.

6€. Estudantes e Cartão Quadrilátero: 3€
Classificação: M/16 Duração: 75'
Apoio da ACE Famalicão Escola de Artes
www.casadasartes.org
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116785&h=682d8" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[BAI-JA Bienal de Arte Infanto-Juvenil Avecultural ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_baija_bienal_de_arte_infantojuvenil_avecultural
Estão abertas as inscrições a todos os alunos das escolas do concelho para a Bienal de Arte BAI-JA.

Ver regulamento »]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116723&h=af40d" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[Festa das Camélias ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_festa_das_camelias Parque das Camélias - Bairro

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, através do projeto Avecultural, a Junta de Freguesia de Bairro e a Fundação Castro Alves, organizam a Festa das Camélias, no segundo fim-de-semana de março de 2018, envolvendo toda a comunidade de S. Pedro de Bairro, numa iniciativa também aberta às restantes freguesias do projeto Avecultural que pretendam participar na Exposição/Concurso, bem como no Mercado/Venda de produtos cuja origem seja esta flor de inverno.
A Festa das Camélias realiza-se no Parque das Camélias, nas imediações da Junta de Freguesia, com o programa a ser preenchido pelas forças vivas desta Freguesia.

PROGRAMA

Sábado, 10 de março

14h30 Inauguração da Exposição e Abertura do Mercado
Momento Cultural: Teatro de Rua

15h00 Atribuição de Prémios do Concurso
Momento Cultural e Recreativo: Escola Básica de Bairro e Centro Social e Cultural de Bairro

17h00 Poesia e Arte - A Dama das Camélias: Ateliers e Dança

21h00 Concerto da Banda Camaleão

23h00 Encerramento


Domingo, 11 de março

14h30 Reabertura do Mercado e Exposição

15h00 Atuação do Rancho Folclórico de S. Pedro de Bairro e GNG - Grupo Nova Geração - Bairro

16h00 Desfile das Camélias

18h00 Encerramento


Entrada Livre

A inscrição para o Concurso/Exposição de Camélias, bem como para o Mercado/Venda de produtos de origem da Camélia, é obrigatória e gratuita, estando aberta às restantes freguesias do Projeto Avecultural, devendo a mesma ser efetuada por email através do seguinte endereço eletrónico:
avecultural@vilanovadefamalicao.org
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116720&h=1d7ab" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[Ave Selvagem ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_ave_selvagem Parque da Devesa - Casa do Território

Esta exposição apresenta a biodiversidade da Bacia Hidrográfica do Ave, simulando uma viagem desde a nascente até à foz, mostrando os habitats mais representativos deste vale e as espécies mais raras, com especial enfoque na biodiversidade existente no território de Vila Nova de Famalicão.

Horário: Terça a Quinta: 9h30 às 13h e das 14h às 17h30
               Fins de semana e feriados: 14h30 às 17h30

Entrada gratuita
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=115583&h=265e2" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[Feira de Produtos Biológicos ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_feira_de_produtos_biologicos Vila Nova de Famalicão - Praça Cupertino de Miranda | 09h às 13h]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=116726&h=e933e" width="" height="" border="0"/> <![CDATA[Espaço “Cruzeiro Seixas" ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_espaco_cruzeiro_seixas Fundação Cupertino de Miranda - 2.º piso

Para visita no Museu, espaço composto por 3 salas que reúnem algumas das obras do autor pertencentes ao acervo da Fundação. Pretende-se tornar visível o trabalho desenvolvido pelo artista ao longo de décadas dedicadas às artes plásticas que nos permite apontar Cruzeiro Seixas como um dos divulgadores e dinamizadores do surrealismo, com uma entrega profunda ao ato criativo.

Entrada gratuita
]]> </p><img src="http://www.vilanovadefamalicao.org/op/image/?co=98715&h=f9d7e" width="" height="" border="0"/>
<![CDATA[Amor de Perdição ]]> http://www.vilanovadefamalicao.org/_amor_de_perdicao_2 Casa de Camilo - Museu

Reprodução das ilustrações para a edição argentina.
Galeria da Casa de Camilo Castelo Branco

Entrada livre

]]>